sexta-feira, 6 de março de 2009

amar o próximo

"Durante a maior parte da História ocidental, a tradição dominante no amor ao próximo foi o cristianismo, que sacraliza os instintos generosos e os torna fundamento de uma fé universalista. A caridade cristã foi, durante séculos, o cimento que unia os indivíduos em sociedade. (...) Hoje só se esperam manifestações de afectos desinteressado entre pais e filhos, as quais são bem vistas e até indispensáveis."
Adam Phillips e Barbara Taylor, The Guardian

Eu sei que gosto muito do The Guardian... E tu?

2 comentários:

Ricardo disse...

esse artigo do The Guardian está no Courrier Internacional deste mês. Leiam. Para quem quiser, disponibilizo a revista.

Beky disse...

so um pk comentario...The Guardian e mt bom, ds pks recomendados pela Uni of East London =)

Parabens plo blog

*